Ato em apoio a Chávez teve apresentação de Xangai em Brasília

28 set

Versión en español

O cantor baiano Xangai, animou o ato-festa em solidariedade ao povo venezuelano e em apoio à eleição de Hugo Chávez, ontem (27), no Teatro dos Bancários, em Brasília. Ao som de clássicos da música tradicional brasileira e de canções latino-americanas, cerca de 300 pessoas conheceram um pouco mais dos avanços e benefícios da chamada Revolução Bolivariana para todo o continente. Veja as fotos no Facebook: http://www.facebook.com/media/set/?set=a.564816253544283.141043.478809832144926&type=1

Assista ao vídeo:

A força da juventude, uma das principais características do processo de mudança em curso na Venezuela, se fez sentir no ato político cultural da “Campanha Brasil está com Chávez” (https://brasilcomchavez.wordpress.com). Durante os depoimentos de jovens que estiveram recentemente na Venezuela para participar do Encontro de Jovens de Nossa América em Solidariedade à Revolução Bolivarian  Nayara Marinho, contou um pouco do que vivenciou no país vizinho. “A pobreza na Venezuela foi reduzida a 50% desde que Chávez chegou ao poder. Eles conseguiram conquistar o acesso livre à universidade, que é algo pelo qual nós do movimento estudantil lutamos muito. Além disso, há políticas públicas na área de comunicação, como as voltadas para as rádios comunitárias, fazendo com que as comunidades tenham voz”, relatou a estudante que visitou o estado de Vargas, na Venezuela.

O que chamou a atenção do jovem Raphael Sebba, quando esteve no país caribenho, foi ver, segundo ele, o quanto o Brasil se desloca, em termos de identidade cultural, do resto do continente. “A música que corre todo o continente não chega no Brasil. Isso é obra de uma direita que quer que a gente se identifique muito mais com a Europa e os EUA do que com os tantos outros povos de nossa região, que têm uma cultura tão rica e bonita”, observou.

Tal impressão, de uma maior necessidade de integração cultural entre o Brasil e o resto dos países da América Latina, foi compartilhada por Xangai, que manifestou a vontade de fazer um show no país caribenho. “Eu gosto de cantar para os povos, para los pueblos hermanos!”, afirmou.  Durante sua apresentação, Xangai fez uma bela homenagem ao povo da Venezuela ao cantar a música “Luna de Margarita”, do venezuelano Simón Días.

O Brasil está com Chávez

Em 7 de outubro, no mesmo dia em que acontecem as eleições municipais no Brasil, os venezuelanos vão escolher quem governará o país pelos próximos seis anos. A pesar da maioria das pesquisas eleitorais apontar a vitória de Chávez, a direita venezuelana, articulada com a direita mundial, inclusive brasileira, buscam impedir a continuidade e aprofundamento da Revolução Bolivariana, como observou o embaixador de Cuba no Brasil, Carlos Zamora Rodríguez, também presente no ato.

“Há uma tentativa, em caráter continental, da direita em recuperar o espaço que perderam. Devemos ter isso claro. Quando estamos com Chávez e quando estamos com os governos progressistas de nosso continente, estamos pela causa de nosso povo. E essa causa tem, em 7 de outubro, na Venezuela, um momento chave, decisivo”, analisou.

O embaixador da Venezuela no Brasil, Maximilien Arveláiz, agradeceu as organizações sociais que participam da campanha e afirmou que a reeleição do presidente Chávez, em 7 de outubro, significará o aprofundamento das conquistas alcançadas em seus governos anteriores. “Vamos seguir aprofundando nossa revolução, aprofundando nosso processo de mudança e vamos seguir trabalhando com o Brasil, seu povo, seus movimentos sociais, seus sindicatos e seus governos. Estamos muito agradecidos pela solidariedade de vocês”, disse.

A “Campanha Brasil está com Chávez”, conta com o apoio do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra (MST), Partido dos Trabalhadores (PT), Partido Comunista do Brasil (PCdoB), Central Única dos Trabalhadores (CUT), Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), Partido Socialista Brasileiro (PSB), União Nacional dos Estudantes (UNE), Levante Popular da Juventude, Via Campesina, União da Juventude Socialista (UJS), Cebrapaz, Foro de São Paulo, Forum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC), Consulta Popular, Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA), Federação dos Estudantes de Agronomia do Brasil (Feab), Partido Pátria Libre (PPL), Federação Democrática Internacional das Mulheres (FDIM), Nescuba, TV Cidade Livre de Brasília.

A Campanha também está nas redes sociais: www.facebook.com/brasilcomchavez e www.twitter.com/brasilcomchavez .

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: